15/03/2013

Princípios para Gerar um Namoro Saudável

1. Antes de procurar um relacionamento, procure tratar suas emoções.
 
          Desenvolver um namoro saudável dá muito trabalho. Exige compromisso, responsabilidade e dedicação. O problema é que muitos estão querendo desenvolver um namoro de qualidade sem antes procurar desenvolver habilidades pessoais de relacionamento.

        Conheço um sem número de pessoas que vivem relacionamentos vazios porque não se conhecem, não se amam, não se aceitam e, por isso, não conseguem confiar, amar e dedicar-se ao relacionamento.
Tratar as emoções fala de você investir, primeiro em você, para que possa ter condições de investir em seu relacionamento. É procurar criar fortalezas pessoais para suportar as pressões que um relacionamento de namoro traz em si. Procurar identificar as características pessoais que precisam ser desenvolvidas em você, como segurança, boa autoestima, confiabilidade, responsabilidade, condições financeiras, dentre outras, dará ao seu futuro namoro condições de se desenvolver de forma agradável.


2. Foque no ponto certo
 
       O foco do Namoro é o conhecimento da pessoa amada. Precisamos focar nisso. Precisamos dar ênfase ao tempo de estar junto para conhecer os anseios, medos, frustrações, histórico familiar, infância e adolescência da nossa namorada.
        Quando o namoro perde o foco, dificilmente se desenvolverá da forma esperada. A forma mais comum de o namoro perder o seu foco é o sexo. Quando os casais se envolvem sexualmente, raramente conseguem largar a prática do pecado. Acabam se afastando da igreja, abandonando os amigos, as conversas, que antes eram frequentes, vão, aos poucos, dando lugar prioritariamente à satisfação do tesão. Nesse ponto, o casal vai percebendo, aos poucos, que sua comunicação não está legal, que já não mais nutrem os sonhos que nutriam antes, que já não mais almejam o casamento e o relacionamento vai caminhando para o fim.
       Outra coisa muito comum é os namorados não terminaram e apressarem o casamento. Isso parece uma boa escolha, mas tenho certeza de que não é. Por quê? Porque namorar é desenvolver as habilidades de relacionamento necessárias para construir um casamento de sucesso. Quem pula essa etapa chega ao casamento completamente despreparado e quebra a cara, pois casamento dá muito trabalho e exige muito mais de nós do que um namoro.
        Portanto, foque no ponto certo. Preocupe-se em conhecer sua namorada. Em sair com ela para o shopping, para a praça, para a igreja. Passem, juntos, a frequentar as atividades da igreja, conheça os amigos dela, a família dela, os colegas de escola etc. Procure saber como ela pensa sobre variados assuntos como política, igreja, o que ela acha do pastor, do líder dos jovens, por exemplo. Procurem ler livros e discuti-los. Estudem juntos. Essas são atividades que proporcionam conhecimento e fazem o namoro crescer.

3. Construam, juntos, o Projeto de Namoro.  
 
     Durante o namoro é fundamental que os casais desenvolvam atividades que possam dar aos namorados a possibilidade de crescer juntos. Colocar no papel o que você pensa, e espera do seu futuro casamento é uma excelente ferramenta para que você e sua namorada descubram se vale a pena ou não investir nesse relacionamento. Esse Projeto de Namoro é um conjunto de habilidades necessárias a um casamento de sucesso, no qual os dois devem assinalar o que já têm, o que têm mais ou menos e o que ainda precisam desenvolver. O legal desse Projeto é que para cada item assinalado como PRECISO MELHORAR o namorado deve escrever duas atitudes que ele tem de tomar para melhorar aquele item e a namorada deve escrever mais um, dando sua sugestão para melhorar o relacionamento. Isso estimula o diálogo, a comunicação e a troca dos dois.
(Para receber o modelo do Nosso Projeto de Namoro gratuitamente, entre em contato conosco).

4. Orem pelo Projeto de Namoro de Vocês.
 
    Como bons cristãos que somos, sabemos que a oração dos justos pode muito em seus efeitos. Portanto, devemos orar por todas as nossas necessidades em todo tempo. Colocar diante de Deus os nossos sonhos, projetos, desejos, interesses, sabendo que Ele está cuidando de tudo isso, dá aos namorados segurança para confiarem que, se fizerem a sua parte, Deus fará com esse relacionamento cresça.
Essa oração pode ser coletiva ou individual. Você pode orar sozinho em sua casa ou convidar um amigo íntimo, ou mesmo seu líder espiritual para te ajudar em oração nessa questão. É interessante, também, orar junto com sua namorada por esse projeto. Quando vocês dois desenvolvem, no início do namoro, a prática de orar juntos, o namoro cresce muito. Não deixem para criar esse hábito depois de um tempo de namoro. É mais fácil começar agora do que começar depois que já tiverem desenvolvido uma série de outros hábitos.

5. Prestem conta do Namoro de Vocês
 
       Há quem diga que “se conselho fosse bom não seria de graça”, mas isso é uma estratégia de Satanás para criar pessoas cada vez mais independentes e autossuficientes. Desenvolver o hábito de conversar e trocar suas experiências de namoro com alguém de confiança é uma excelente ferramenta para evitar que vocês cometam erros que possam ferir permanentemente o namoro. Aprenda a pedir conselhos e segui-los, pois estes conselhos podem salvar seu relacionamento.
       No entanto, cuidado com quem você vai conversar. Só fale de sua vida com pessoas de confiança, pois pedir conselhos a pessoas erradas pode fazer com que aconteça com você o que aconteceu com o reinado do Rei Joboão. Ele ouviu o conselho de seus amigos e acabou perdendo o seu reinado.

Por Anderson Cruz – Namorar pra quê?

Um comentário:

Soraya Lourenço disse...

Que maravilha, nossa meus parabéns! Que trabalho LINDO E MAGNIFICO! Já namoro a quase 4 anos e com toda certeza do mundo vou colocar em pratica esses ensinamentos com meu namorado. beijos grande :*